fbpx

Uma pergunta que é feita por diversos produtores de conteúdos é como anunciar no Google de maneira satisfatória, de modo a conseguir capturar leads e converter em vendas?

E é comum as pessoas sentirem dúvidas em relação à eficácia do serviço, apesar de ele ser um dos maiores motores de busca do mundo e que gera a maior quantidade de pesquisas e resultados em toda a web.

Muitas outras plataformas de anúncios, como o Facebook ADS, podem ser encontradas, mas nenhuma delas supera o volume de acessos que o Google disponibiliza aos empresários, blogueiros, Youtubers, etc.

E para respondermos seus principais questionamentos em relação a esse assunto, criamos este artigo completo sobre como anunciar no Google.

Quer ter acesso a todas as informações aqui publicadas? Então continue a leitura desta postagem até o final!

Saiba tudo sobre os anúncios do Google

Antes de mostrarmos de fato como anunciar no Google, é importante que você saiba que existem duas maneiras de se conseguir gerar tráfego através do site.

A primeira delas é por meio de anúncios pagos, ou patrocinados, ou seja, você cria um conteúdo e faz sua publicação através do Google ADS, a qual irá gerar um custo para permanecer ativa.

Uma maneira de perceber estes anúncios, é devido a sua localização. Normalmente os patrocinados ficam posicionados antes dos resultados de conteúdos gratuitos, e recebem também a cor verde, a qual fornece um outro destaque.

A outra forma é por meio de tráfego orgânico, com a utilização de regras de SEO (Search Engine Optimization), copywriting, gatilhos mentais, etc., a qual não gera nenhum custo para o produtor.

No entanto, iremos abordar neste artigo apenas o mecanismo pago, dando pouca ênfase aos conteúdos gratuitos. Veja mais informações sobre o Google ADS nos próximos tópicos.

Anunciar com Google ADS

O Google ADS é uma plataforma de publicidade desenvolvida pelo Google, que disponibiliza um espaço para que comerciantes publiquem anúncios sobre seus produtos ou serviços oferecidos.

É possível publicar também promoções, ofertas, etc., tudo isso através de links patrocinados inseridos nas primeiras posições das páginas de resultado.

Assim como no tráfego orgânico, os anúncios pagos também são baseados nas palavras-chave que o profissional desenvolve para o conteúdo, no entanto por serem pagos, eles ficam posicionados antes dos resultados gratuitos, ou seja, que não geraram nenhum tipo de custo para postagem.

Mas saber como anunciar no Google não compreende apenas os links patrocinados e o tráfego orgânico. O Google ADS também disponibiliza banners para serem inseridos em sites ou blogs, o que também faz parte da publicidade paga.

Descubra como anunciar no Google ADS

A primeira coisa que você precisa saber é que existem cinco diferentes tipos ou maneiras de anunciar com o Google ADS. Veja quais são elas na lista a seguir:

• rede de pesquisa: tem como base a palavra-chave e exibe os anúncios na página de resultados de pesquisas feitas pelos usuários, a fim de aumentar o volume de visitas em determinado site ou blog. Este é o tipo mais adotado pela maioria dos comerciantes;

• rede de display: são os famosos banners inseridos em páginas de sites e blogs, e têm como intuito divulgar uma marca para determinado público-alvo. Este tipo é o preferido dos bloGueiros, que desejam alugar suas páginas para que as empresas publiquem seus banners de publicidade;

• google shopping: neste, o nome da loja, do produto, descrição e valor de venda são exibidos e servem para que o usuário consiga comparar preços e escolher o que mais atende às suas necessidades;

• vídeos: são propagandas criadas em vídeo e anunciadas no Youtube ou em sites/blogs que permitem esse tipo de anúncio;

• apps: neste caso, o próprio Google ADS elabora um anúncio em texto para fazer a publicação nos aplicativos que permitem a publicidade.

Google ADS – quais os custos com anúncios?

Os custos para quem deseja entender como anunciar no Google são relativamente baixos e podem ser gerados por meio do chamado CPC – custo por clique.

Neste caso você irá pagar por um leilão de palavras, que é estabelecido entre o anunciante e sua concorrência que utiliza a mesma palavra-chave.

E isso pode parecer uma estratégia que não funciona, no entanto, ao clicar em seu anúncio, as chances de que haja uma conversão do lead em venda é muito alta, pois ele já está decidindo por tomar uma atitude.

Desta forma, este pode ser um investimento bastante vantajoso para uma grande quantidade de empresários, considerando que boa parte do volume de vendas, vem justamente deste tipo de mecanismo.

Além disso, devido aos custos acessíveis, as empresas de pequeno porte, conseguem um espaço mais adequado para realizar suas ofertas, sem ter de competir diretamente com organizações maiores, que já tem um lugar mais consolidado no mercado.

Anúncios no Google ADS – conheça as principais vantagens

Uma das maiores vantagens que os profissionais obtêm ao saberem como anunciar no Google, é a alta visibilidade que terão, tanto com os anúncios pagos quanto com o tráfego orgânico.

No entanto, outras vantagens podem ser obtidas, as quais você confere na lista a seguir:

• ativação e desativação das campanhas quando desejar, sem nenhum tipo de complicação;

• ajustes do valor por clique personalizado com o passar do tempo e de acordo com suas novas necessidades;

• visualização em tempo real do retorno com relação ao investimento realizado;

• pagamentos facilitados via boleto ou cartão de crédito.

Anunciar no Google – conheça o passo a passo

Entender como anunciar no Google é simples. O primeiro passo é criar uma conta através do Google ADS.

Para isso, você precisará já ter uma conta do Google, mas caso não a tenha, poderá criar uma rapidamente e sem custos.

Basta então acessar o site do ADS, inserir os dados solicitados, selecionar o valor mínimo exigido relacionados aos custos, ou o que é mais conveniente para seu negócio, aceitar os termos de uso e finalizar o cadastro.

O próximo passo é a criação da campanha propriamente dita. Para isso você precisará escolher um objetivo, como vendas de produtos, por exemplo, e em seguida, o tipo de anúncio, que pode ser a rede de pesquisas, como já citamos anteriormente neste post.

A etapa seguinte consiste em selecionar como deseja atingir seus objetivos, por exemplo, através de visitas ao site.

Você precisará, neste caso, inserir a URL do seu site para que um código de conversão, o qual deverá ser instalado em seu site, mediante as instruções fornecidas pelo próprio Google ADS seja criado.

Em seguida vêm as opções de locais para divulgação, em quais países e idiomas será exibido, público-alvo, etc.

É importante que você procure não restringir muito esta parte, para que seu anúncio seja capaz de atingir uma quantidade maior de usuários.

Na próxima etapa vem o orçamento que será destinado à sua campanha e as configurações que deseja aplicar e a descrição de seu produto, acompanhada pelo link de venda e o nome da campanha, o qual deverá conter a palavra-chave principal, para que fique em uma boa posição dentre os resultados.

Você poderá revisar seu anúncio antes de que ele seja publicado, para analisar se está como desejado. Caso tenha ficado como você esperava, poderá salvar a campanha e publica-la.

Os anúncios e o tráfego orgânico

Existe uma relação entre as técnicas utilizadas para se criar conteúdos para gerar tráfego orgânico e a publicação de anúncios pagos no Google. Uma delas é a utilização adequada das palavras-chave ligadas ao seu produto, serviço ou conteúdo divulgado.

Independente do tipo de anúncio que escolher, seja ele pago ou gratuito, trabalhar bem as palavras-chaves em todos os idiomas em que será publicado, é muito importante para garantir uma boa colocação e permanência dentre os resultados relevantes.

Uma outra regra, também muito utilizada no marketing de conteúdo, e que auxilia bastante nos anúncios pagos, são as técnicas de copywriting, ou seja, dos conteúdos persuasivos.

E existem também os gatilhos mentais, que são capazes de trabalhar com as emoções do cliente em potencial, causando nele sentimentos como a urgência, necessidade, perda, e outros que os estimula quanto à tomada de decisões.

Você pode aplica-las tanto no título quanto na descrição, de modo a convencer o cliente de maneira inteligente, a clicar em seu link, chamando-o para realizar determinada ação, no caso a compra.

No entanto, o Google ADS só permite uma descrição curta, com no máximo 80 caracteres. Portanto, você precisará aplicar as técnicas nesta quantidade reduzida de espaço.

Porém com a prática, você poderá criar conteúdos relativamente curtos, mas tão eficazes quanto as postagens realizadas em blogs e sites.

Com isso, é possível entender que diversos métodos comumente empregados nos conteúdos publicados para gerar tráfego orgânico, também podem ser utilizados para aumentar o volume de cliques nos anúncios pagos feitos por meio do Google ADS.

Conclusão

Neste artigo você conferiu o passo a passo de como anunciar no Google, assim como as principais vantagens deste mecanismo e as estratégias do tráfego orgânico que podem ser utilizadas para garantir mais cliques.

Basta agora colocar todas essas dicas em prática e fazer com que seus produtos ou serviços fiquem bem posicionados frente aos resultados exibidos na página de pesquisa.

Caso tenha ficado com alguma dúvida em relação a esse conteúdo, nos envie seu comentário, para que possamos lhe ajudar a resolvê-la!

Dowglas Ferreira

Dowglas Ferreira

Fundador da Agência Infor SEO, Empresa Especializada em Marketing Digital. Empreendedor Digital, Especialista em SEO e Posicionamento na Internet.

1 comentário em “Como Anunciar no Google: Guia para o Primeiro Anúncio”

Average
5 Based On 1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe este Post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Quer ter Sucesso em seu negócio online?

Cadastre-se e Receba Gratuitamente em Seu e-mail dicas de Marketing Digital que vão ajudar a alavanar o seu Negócio OnLine, receba também o nosso e-book com o passo a passo para criar sua primeira campanha no facebook

Explore ainda mais nossos artigos

Deseja impulsionar o seu negócio OnLine?

Conheça as ferramentas que nós utilizamos e os treinamentos que nós Recomendamos.

NÃO VÁ AGORA😬!

Fique por dentro das novidades do Marketing Digital, tendências e oportunidades de negócio. Baixe de graça o E-Book Guia completo para criar sua primeira campanha no Facebook!
Inscreva-se e receba o nosso e-book com o passo a passo para criar sua primeira campanha no facebook e no instagram
Telegram
Telegram